sexta-feira, novembro 19, 2010

Isso e aquilo.

Assisti ao filme "Possessão", do diretor polaco Andrezj Zulawski, de 1981. É sobre um casal em crise, vivendo uma separação. Digamos que é um cruzamento de "A guerra dos Roses" com "O exorcista". Uma espécie de filme de terror e arte. Me lembrou muito o Polanski e a sua Trilogia do apartamento. Tem aquela atmosfera, só que é bem mais sangrento e bizarro. Atenção especial para a cena no metrô. O que é aquilo? Uau!
Carvão animal já tem confirmado o designer que fará a capa do livro.
Era quem eu queria. Logo, logo eu conto.

*

Fui a Bienal de Campos do Goytacazes. O encontro foi muito bom. O que dizer além disso? O Carlo Carrenho, assumidade em e-books, pontuou muito bem as suas observações. Eu até pude experimentar alguns e-books que ele levou para mostrar para o público. Segundo ele disse, até o final do ano que vem, um e-book estará custando R$ 99,00. Vou torcer. O negócio é legal mesmo. Quero um.

*
Eu me apaixonei pela série Boardwalk Empire. É um espetáculo aquilo lá. Recomendo. A trilha sonora sempre linda. Atuações ótimas. Personagens adoráveis, como o atirador de elite que perdeu a metade do rosto lutando na guerra e usa uma máscara igual ao do fantasma da ópera. O cara é sensacional. Acho que vai render muito na série. Ele me lembra um pouco o Edgar Wilson. Não sabe quem é Edgar Wilson? Então leia: Entre rinhas de cachorros e porcos abatidos. (aproveitei o momento para fazer um merchandising. hehe).

Ah, neste mês, o Killing Travis fez 5 anos.

*That´s all folks*

2 comentários:

André Victor disse...

Só esperando sair o Carvão Animal. Já estou sentindo falta do seu mundo pulp. Ah, e tem que vir lançar em Fortaleza também!

Fanzine Episódio Cultural disse...

O Fanzine Episódio Cultural é uma jornal bimestral (Machado-MG/Brasil) sem fins lucrativos distribuído gratuitamente em várias instituições culturais, entre elas: Casa das Rosas (SP/SP), Inst. Moreira Salles (Poços de Caldas-MG) e Cia Bella de Artes (Poços de Caldas-MG). De acordo com o editor e poeta mineiro Carlos Roberto de Souza (Agamenon Troyan), “o objetivo é enfocar assuntos relacionados à cultura, e oferecer um espaço gratuito para que escritores, poetas, atores, dramaturgos, artistas plásticos, músicos, jornalistas... possam divulgar suas expressões artísticas”.