segunda-feira, agosto 16, 2010

Descascando o filme: A origem

Assisti ao filme "A origem" e daqui pra frente haverá SPOILER sobre o mesmo.

A origem é sobre como uma ex-mulher pode condenar a vida de um homem ao inferno. É sobre isso que o filme é. hehe. É sério. O Dicaprio já havia feito um estágio sobre esse mesmo assunto, assombrosamente semelhante, em A ilha do medo, e agora ele volta com o mesmo tema, revestido por uma sensacional camada de ficção científica e ação.
Adorei o filme. Achei tudo bem explicadinho, diferente de Matrix, porém Matrix é algo beeeemmmm maaaaaaissssss complexo. Talvez nem tanto... sabe-se lá.
Ok, mas voltando ao tema "a ex-mulher". Bem, na história é uma mulher morta, que nem havia se separado dele. Morreu mesmo. Mas acho que o tema serve para ex-mulher também, apesar de ficar subentendido que um ex-mulher viva é melhor para a saúde mental do homem do que uma morta. Sendo assim, mesmo morta, a mulher o assombra feito alma penada de filme asiático. Só que o horror acontece na mente do sujeito. Tão transtornado e perseguido pela tal mulher.
Não sei não, mas acho que esses filmes são mensagens subliminares para os homens tomarem cuidado ao se casarem com as mulheres de aparência doce e submissa.
A coisa toda seria mais interessante, se essas mulheres tivessem a cara da Kayako Saeki, do filme O grito, aí sim seria um clássico do terror.
Mas é sim intrigante pensar no mesmo ator, o Dicaprio, em filmes que têm suas mulheres como âncora que os mantém atrelados a uma situação de extrema perturbação.

Hum...

***

Mudando radicalmente de assunto, recebi um brinde especial do Sesc São Paulo para promover suas atividades culturais, como lançamento de livros e Cds, em razão da Bienal do livro de São Paulo. No kit, veio um livro de contos chamado Feminino, reunião de contos de várias escritoras brasileiras. Ainda não terminei de ler o livro.

*That´s all folks*

Um comentário:

Mauro Siqueira disse...

Caramba, nem me esperou! (tudo bem, eu também, não!)

Minha opinião sobre A Origem e Matrix, o último é parnasiano e o primeiro simbolista ;P